O sonho de conquistar uma vaga no ensino superior é cada vez mais possível de acontecer. Afinal, existem programas de auxílio ao estudante que permitem maior acesso às universidades brasileiras. O Fies, o Fundo de Financiamento Estudantil, é um dos mais bem sucedidos. A principal ideia desse benefício é proporcionar aos estudantes que não possuem condições de investir no ensino superior a possibilidade de cursar a graduação em instituições de ensino particulares.

A contratação do financiamento depende de alguns critérios avaliados pela comissão permanente de supervisão, garantindo assim a eficiência e integridade do programa. Apesar de não serem todas, diversas instituições de ensino possuem vínculo com o Fies.

O que é o FIES

O Fies, ou Fundo de Financiamento Estudantil, é um programa lançado pelo ministério da educação (MEC) em 1999, substituindo o antigo programa de crédito estudantil. Diferente das bolsas de estudo, o Fies é uma ajuda que o governo dá para que as pessoas tenham acesso ao ensino de qualidade, mas é importante frisar que o aluno deverá retornar esse investimento ao final do período de graduação.  

Quem pode participar

A partir de 2018 o Fies sofreu algumas alterações extremamente positivas. O programa é baseado na renda familiar bruta mensal, que pode ser de até 5 salários mínimos. O novo Fies possui duas principais ramificações: estudantes que se beneficiam do financiamento completo da mensalidade, e os que possuem apenas parte do valor financiado, variando de acordo com as condições financeiras de cada um. Para receber o benefício integral, é necessário ter renda familiar de até 3 salários mínimos.

Além disso, a nota do Enem é fundamental para esse processo. Para poder participar do Fies, o estudante deve ter atingido nota mínima de 450 pontos no exame referente ao ano anterior à aplicação do programa. Os candidatos que zeraram a redação do Exame Nacional do Ensino Médio não poderão realizar a inscrição.

Como funciona

A concessão do Fies para os estudantes ocorre por meio de um processo de requerimento, sendo uma das etapas a identificação de documentos comprovantes da situação financeira do núcleo familiar do estudante. Após concedido, o plano de financiamento será realizado de acordo com o valor da instituição e a condição financeira do candidato. O pagamento do empréstimo é feito a partir do término da graduação, sendo cobrado um valor mensal para a quitação.

Durante a faculdade, apenas uma taxa de encargo operacional fixada no contrato será cobrada do aluno. A partir de 2018, o pagamento é realizado na etapa chamada de “amortização”. É previsto um período de 18 meses após a conclusão do curso, para que o estudante tenha condições financeiras de quitar o valor financiado. Se o candidato conseguir um emprego logo após acabar a graduação, será descontado automaticamente o valor do financiamento da renda mensal, baseado no cálculo previsto pelo governo.

Cronograma

Assim como qualquer processo seletivo, o Fies também possui um cronograma a ser seguido. Existem diversas modalidades de financiamento e cada uma delas acontece em diferentes datas de inscrição. É importante acompanhar as informações disponibilizadas no site do Fundo de Financiamento ao Estudante do Ensino Superior.

O processo de inscrição é simples e pode ser conferido a partir do vídeo cedido pelo Ministério da Educação:


Nem sempre é fácil escolher qual faculdade cursar. É fundamental que o aluno comece a estabelecer alguns critérios para seu futuro como estudante universitário, até para que tenha tempo caso necessite de programas de auxílio, como o Fies. Além dele, existem outros programas do governo utilizados como incentivo para o ingresso em faculdades particulares, como é o caso do Prouni. A grande diferença entre eles, é que o ProuniI disponibiliza bolsas sem a necessidade de o aluno pagar o valor investido posteriormente. Para bolsas integrais, os candidatos precisam ter renda familiar bruta mensal de até um salário mínimo e meio.

A preparação para o ingresso na faculdade é essencial para obter bons resultados. Mas não se engane ao pensar que diversão não pode ser conciliada com esse momento tão importante. Existem, por exemplo, filmes que podem te auxiliar no processo de estudo.

Aqui estudar é poder!

Seu sonho é estudar em uma boa universidade? Venha para o COC! Aqui estudar é poder realizar. Acompanhe as notícias em nosso blog e aproveite todos os benefícios que o sistema COC de ensino pode trazer para os seus estudos. Saiba mais aqui!