A semelhança entre termos faz com que haja grande confusão na hora de aplicá-los, e um desses casos é entre “mau” e “mal”. Passado algum tempo do aprendizado de alguns conteúdos, é comum confundi-los, mas existem alguns macetes que podem te ajudar. Fazer o uso correto da língua portuguesa é essencial não só para uma boa comunicação, mas também para mandar bem no vestibular. Vamos lá?

Mal

A palavra “mal”, com “l”, costuma ser a mais utilizada no dia a dia, isso porque é o antônimo de “bem”, ou seja, possui o significado contrário de “bem”. Por isso, uma dica para verificar se a palavra a ser utilizada é “mal”, com “l”, é trocá-la por “bem” e verificar se faz sentido na frase desejada.

Esse termo pode ser utilizado em diferentes contextos, modificando também sua classificação dentro da língua portuguesa. Como substantivo, “mal” é entendido como sinônimo de doença, tristeza ou problemas. Quando associado aos advérbios de modo, esse termo pode traduzir a ideia de que algo foi feito do jeito errado. E, por fim, quando classificado como conjunção, “mal” é entendido como “logo que”, “quando”. Veja:

Gilberto está com intoxicação alimentar, um mal que pode ser muito grave. - Substantivo

Mariana se comportou muito mal ontem na reunião. - Advérbio de modo

Mal fui embora e ela já estava falando sobre mim. - Conjunção

Mau

Diferentemente de “mal”, “mau”, com “u”, pode ser empregado apenas como adjetivo. Tal classificação já é uma forma de conseguir diferenciá-los na prática. “Mau” é antônimo de “bom”, ou seja, pode ser traduzido no sentido de algo ou alguém que não é bom ou causa efeitos ruins, negativos. A dica para saber se “mau” é o termo que você deve usar é substituí-lo por “bom” e verificar se faz sentido.

João foi muito mau com ele.

Meu ex-chefe sempre estava de mau humor.

Victor é um mau aluno.

Como você pode perceber, diferenciar  “mal” de “mau” pode ser bem simples. As dúvidas de português são mais comuns do que você imagina, por isso é fundamental sempre praticar e estar atento às aulas e aos materiais de apoio. Boas noções de gramática facilitam a conquista de uma boa nota na redação do vestibular, uma das partes que mais contam na composição da nota dos exames.

Gostou desse post? Veja outros que podem te interessar:

Como fazer uma redação dissertativa?

O que é adjetivo e para que serve?

5 tipos de sujeito que você precisa conhecer

Conheça o Coach COC e organize seus estudos!

O aplicativo Coach COC é o seu novo parceiro para os estudos! Ele vai te ajudar a organizar a sua rotina e planejar seu dia a dia. Acesse a página do app e baixe agora mesmo!