O Brasil tem cerca de 209 milhões de habitantes, espalhados pelos mais de 8 milhões de quilômetros quadrados do território, segundo dados do IBGE. Uma nação com dimensões tão extensas - tanto de terra quanto de população - é um organismo muito complexo, que apresenta uma série de nuances a serem consideradas.

Para estudar o Brasil e suas características, é preciso investir em pesquisas e na análise dos mais diversos dados. Pensando em te ajudar, nós separamos 7 gráficos para entender pontos importantes da economia e da sociedade brasileira. Confira:

Variações linguísticas

Os regionalismos e as variações linguísticas - principalmente na pronúncia das palavras - são marcas relevantes do uso da língua portuguesa no Brasil. Característica influenciada também pela extensão do território, permite entrar em contato com uma série de sotaques ao se percorrer o país.

É comum que tenhamos termos diferentes para tratar do mesmo significado, como no clássico “é biscoito ou é bolacha?” Além disso, cada região possui suas próprias expressões utilizadas nos mais diversos contextos: o polivalente “trem” para os mineiros, o “arretado” para os nordestinos, o “daí” nas frases paranaenses e o “de rocha” para quando alguém do centro-oeste ou do norte quer falar de um “papo sério”, por exemplo.  

Expectativa de vida

Em pouco mais de três décadas, a expectativa média de vida do brasileiro aumentou consideravelmente, em mais de 10 anos. Como mostra o gráfico, saltamos de pouco mais de 62 anos, em 1980, para 76 anos em 2017. Entre os motivos, encontram-se o crescimento da economia e da renda per capita, o avanço dos tratamentos médicos e o aumento do acesso ao sistema público de saúde.

Violência

O Brasil é marcadamente um país de contrastes. Enquanto a expectativa de vida aumenta e chega próximo ao número apresentado por países desenvolvidos - como os 81 anos na Holanda - o índice de homicídios, aumenta. Só no ano de 2016, foram cerca de 62.517 mortes violentas no território brasileiro, recorde até então. Também, pela primeira vez na história, o número de homicídios a cada 100 mil habitantes alcançou um índice acima de 30 - 30,3 exatamente -, o que mostra que a violência aumentou como um todo, e não apenas pelo crescimento populacional.

Desigualdade social

Segundo levantamento do IBGE publicado em 2017, o rendimento mensal do 1% mais rico da população é 36,1 vezes maior que o dos 50% mais pobres da população. Segundo a versão de 2016 do levantamento, cerca de 800 mil pessoas ganham mais de R$27 mil por mês, enquanto mais de 44 milhões recebem um salário médio de R$747. Isso evidencia um dos grandes problemas com que o Brasil precisa lidar: a desigualdade econômica, presente em todo o país e que contribui para diversos outros problemas sociais, como a violência.

Acesso à internet

Por mais que o acesso à internet possa parecer algo popular no Brasil, a realidade não é bem assim. Segundo dados de 2016, fornecidos pelo IBGE, apenas cerca de 64% da população acima de 10 anos afirmou ter acesso à rede. Em termos de aparelhos, os celulares e smartphones se destacam, representando um meio de acesso para mais de 90% dos usuários.

Escolaridade

Os números apresentados acima são de um estudo do IBGE que analisou dados referentes ao ano de 2016. A pesquisa ainda aponta que o grau de escolaridade muda bastante de uma região para outra: os melhores índices são relativos às regiões sul e o sudeste e os piores ao norte e ao nordeste, com 8,8% e 14,3%, respectivamente, da população nessa faixa etária sem instrução alguma.

Exportações

O agronegócio é de vital importância para a balança comercial brasileira, já que as exportações de itens básicos representam 109 dos 219 milhões de dólares registrados de janeiro a novembro de 2018. A soja é o produto de destaque e, entre os principais, também se encontram o milho, a carne e o café. Nesse período, os países que mais compraram dos produtores brasileiros foram a China e os Estados Unidos.

A análise de dados e a leitura de gráficos são habilidades fundamentais para te ajudar a entender contextos da economia, a população e as características de um país. No Enem e nos principais vestibulares, por exemplo, o candidato é desafiado a utilizar as informações gráficas para responder questões e escrever a redação.

Confira também outros conteúdos de geografia:

O que é globalização?

Quais são os biomas do Brasil?

Conheça o Coach COC e organize seus estudos!

O aplicativo Coach COC é o seu novo parceiro para os estudos! Ele vai te ajudar a organizar a sua rotina e planejar seu dia a dia. Acesse a página do app e baixe agora mesmo!