Se você pensa em estudar para o Enem só no final do ano, é melhor mudar a sua estratégia e começar agora mesmo! O exame mais importante do país é complexo e precisa de muita preparação ao longo do ano letivo. Por isso, vamos te ensinar hoje algumas dicas para se dar bem na prova de linguagens. Ficou curioso? Então continue conosco e confira!

O Enem

Como você já deve saber, a aplicação do Enem é dividida em dois dias. No primeiro o estudante responderá a 45 questões de Ciências Humanas e suas Tecnologias e a 45 questões de Linguagens, Códigos e suas Tecnologias, além de escrever uma redação dissertativo-argumentativa.

No segundo dia, as 90 questões são divididas entre Ciências da Natureza e suas Tecnologias, e Matemática e suas Tecnologias.

Aqui no blog do COC, já te mostramos algumas dicas sobrecomo estudar para o Enem e como fazer uma boa redação, mas agora vamos às dicas para gabaritar as questões de linguagens.

1 - Linguagens, Códigos e suas Tecnologias

Nossa primeira dica, na verdade, é uma explicação. Muitos estudantes acham que essa categoria de questões se refere apenas à gramática, mas não é bem assim. Dentro das 45 perguntas, existem questões sobre português, literatura, tecnologia da informação e comunicação, artes, educação física e língua estrangeira (inglês ou espanhol).

Portanto, é preciso ficar bastante atento ao programar a sua rotina de estudos para que todas essas áreas do conhecimento possam ser aprimoradas até o dia da prova.

2 - Cuidado com as pegadinhas

Para o primeiro dia de prova, tenha em mente que você vai ler bastante. Em geral, o Enem é composto de muitos textos que servem de base para uma ou mais questões. Dessa forma, a atenção tem que ser total para não cair nas pegadinhas. Afinal, é fácil se confundir.

Leia o enunciado e as alternativas quantas vezes for necessário até você compreender 100% do que está sendo cobrado. Alguns estudantes perdem pontos preciosos por lerem muito rápido e não conseguirem perceber as pegadinhas, tanto nas perguntas quanto nas respostas.

3 - Estude bastante a gramática 

Nas questões referentes à língua portuguesa, você terá contato com a gramática, por isso anote aí alguns pontos que sempre aparecem nos textos e nas perguntas. Problemas sobre sintaxe, estrutura e formação de palavras, conhecimento sobre as classes de palavras (substantivos, artigos, adjetivos, verbos etc.), tempos verbais e figuras de linguagem (metáfora, metonímia, ironia, hipérbole, antítese, paradoxo etc.), certamente vão dar as caras na sua avaliação.

4 - Saiba interpretar textos

Estudar interpretação de texto te ajudará em todas as 180 questões do Enem, afinal você precisa entender o enunciado para escolher a alternativa correta; mas na prova de linguagens, o candidato terá que analisar crônicas, artigos, charges, músicas, e textos jornalísticos e científicos, além de outros gêneros.

Por isso, nada melhor do que praticar para ficar craque na interpretação de texto. Então separe na sua casa algumas charges famosas, músicas e outros materiais para você analisar e entender ao que, de fato, o texto se refere.

5 - Conheça conceitos de artes

Entre as 45 questões de linguagens da prova do Enem, cinco delas são destinadas a artes. É recorrente que as perguntas sejam ligadas à arte contemporânea, ao modernismo europeu, à Semana de Arte Moderna e a algumas características das principais escolas artísticas da história. 

O aluno que está se preparando para o Enem pode não dar a devida atenção a esses conceitos, por serem apenas cinco questões, mas lembre-se de que, por mais que pareça pouco, cada acerto conta e pode fazer a diferença na sua nota final, portanto não deixe esses temas de lado.

6 - Educação física no Enem?

Isso mesmo! Por mais que seja difícil de acreditar num primeiro momento, as questões envolvendo essa disciplina estão, sim, presentes na prova. Elas aparecem, geralmente, através de textos e discussões sobre inclusão no esporte, esporte e entretenimento, esporte na infância, importância da prática esportiva na saúde das pessoas etc. 

7 - Escolha entre inglês e espanhol

A prova de linguagem é composta de cinco questões sobre uma língua estrangeira e o candidato deve optar por inglês ou espanhol no momento em que efetuar a sua inscrição.

Assim como na prova de língua portuguesa, independentemente de qual idioma o candidato tenha escolhido, o que será cobrado é a interpretação de texto, então leia com bastante atenção e cuidado com o enunciado. 

Como muitos estudantes optam pela prova de espanhol devido à semelhança com o português, é preciso ficar até mais atento aos falsos cognatos, ou seja, àquelas palavras que são parecidas nos dois idiomas, mas que têm significados diferentes. 

Conclusão

As questões de Linguagens, Códigos e suas Tecnologias estão cheias de pegadinhas, por isso é preciso atenção. Com as dicas que te demos neste artigo, você conseguirá focar os seus estudos nos temas mais recorrentes da prova e tirar uma nota alta. 

Para saber mais dicas de vestibular, confira outros textos no blog do COC.