O reino animal pode ser dividido em dois grandes grupos: o dos invertebrados e o dos vertebrados. Neste texto, vamos te explicar mais sobre os vertebrados, grupo do qual os seres humanos fazem parte. Confira!

Características

O corpo dos animais vertebrados se destaca pela presença da medula espinhal, da coluna vertebral, do sistema nervoso central, do esqueleto interno, do sistema muscular e de duas camadas de pele, chamadas derme (interna) e epiderme (externa).

Quais são os animais vertebrados?

Os vertebrados podem ser peixes, répteis, anfíbios, aves e mamíferos. Apesar de uma série de semelhanças, esses animais possuem características diferentes em relação ao tipo de respiração, de pele e de alimentação. Reunimos abaixo mais informações sobre os tipos de animais vertebrados que existem.

Peixes

A primeira categoria de animais vertebrados que abordaremos neste texto é a dos peixes. Eles representam os vertebrados mais antigos e mais numerosos do reino animal. Os peixes têm vida aquática, podendo ser encontrados tanto em água salgada, como mares e oceanos, quanto em água doce, como rios, lagos e açudes. A respiração dos peixes é branquial, permitindo que eles respirem debaixo d’água. Além disso, em geral possuem o corpo revestido de escamas.

Em relação à estruturação, os peixes são divididos em dois grupos: os ósseos e os cartilaginosos. O primeiro grupo é formado por aqueles que possuem vértebras e esqueleto nas nadadeiras, como o atum, o bacalhau e o cavalo-marinho. Já os peixes cartilaginosos, como o nome diz, possuem apenas cartilagens para sustentar o corpo. Os tubarões e as arraias são exemplos desse grupo.

A alimentação dos peixes varia de acordo com a espécie. Algumas são herbívoras e outras carnívoras, alimentando-se de outros peixes.

Répteis

Os répteis foram os primeiros vertebrados a se adaptarem ao ambiente terrestre, e seu corpo é formado por cabeça, pescoço, tronco, membros e cauda. Eles são animais nadadores ou rastejantes e estão classificados em quatro categorias, que possuem características distintas. São eles:

- Ordem Crocodilia: possuem quatro patas curtas e cauda, placas córneas (que protegem o animal), dentes grandes e coração separado em quatro cavidades. Os jacarés e crocodilos fazem parte desta ordem.

- Ordem Squamata: são divididos entre lagartos e cobras. Os primeiros possuem quatro patas; já as cobras são ápodes, ou seja, não têm membros. Ambos têm o corpo coberto de escamas.

- Ordem Rhynchocephalia: são carnívoros e resistentes ao frio, diferente dos outros répteis. Suas únicas representantes são as tuataras.

- Ordem Testudinata: possuem casco ósseo para proteção e bico com lâminas córneas, que ajudam a cortar alimentos. Podem viver em água doce, salgada e em meio terrestre. Fazem parte desta ordem as tartarugas, os cágados e os jabutis.

A pele dos répteis é bastante resistente, é ressecada e tem escamas. As tartarugas e os jabutis se diferenciam por apresentarem, além das características citadas, um casco de proteção. Já a respiração é feita pelos pulmões.

Os répteis, em sua maioria, são classificados como carnívoros, assim como os crocodilos e os jacarés. Algumas poucas espécies são herbívoras e onívoras, como é o caso dos jabutis.

Anfíbios

Essa espécie de vertebrado vive entre ambientes aquáticos e terrestres, já que seus exemplares dependem da água para manter a pele úmida e realizar as trocas gasosas. Em algumas espécies, a pele possui glândulas de defesa, onde ficam armazenados os venenos contra os predadores.

A respiração dos anfíbios é realizada por meio da pele, dos pulmões, da mucosa da boca e da faringe. Já a alimentação varia de acordo com a espécie e com as fases de girino e adulto. Quando estão em desenvolvimento, a maioria se alimenta de vegetais, e quando atingem a vida adulta, passam a se alimentar de insetos.

Assim como os répteis, os anfíbios também são divididos em grupos, que têm características distintas. Confira:

- Anuros: possuem patas e não têm cauda. São os sapos, as pererecas e as rãs.

- Urodelos: têm patas laterais, corpo longo e cauda. As salamandras são exemplos de urodelos.

- Ápodes: não possuem membros e têm corpo cilíndrico. As cobras-cegas são as representantes deste grupo.

Aves

Esses animais vertebrados são os únicos que têm a capacidade de voar. Porém, apesar de terem asas, nem todas as espécies conseguem realizar voos longos, como é o caso da galinha. A pele é seca, impermeável e possui glândulas uropigianas, que liberam um óleo responsável pela hidratação e proteção das penas.

A alimentação das aves é bastante diversificada e varia de acordo com a espécie. Algumas se alimentam de pequenos insetos, outras de grãos, minhocas, peixes e restos de outros animais.

Já a respiração é feita pelos pulmões, que realizam as trocas gasosas.

Mamíferos

Os mamíferos são os animais vertebrados que caracterizam-se pela presença de glândulas mamárias nas fêmeas, que alimentam seus filhotes. A pele é total ou parcialmente revestida de pelos, que ajudam a manter a temperatura do corpo.

A respiração dos mamíferos é pulmonar e a alimentação varia de acordo com a espécie, podendo ser carnívoros, como os leões, as raposas e os cães; onívoros (comem tanto carne, quanto vegetais), como ursos e porcos; e herbívoros, como as girafas, os bois e as zebras.

Os mamíferos estão em todas as partes do mundo e existem espécies que vivem na terra, na água e em meio aéreo. Confira alguns exemplos!

- Terrestre: onça, urso, cães, gatos etc.

- Aquático: baleia, golfinho, peixe-boi, foca etc.

- Aéreo: morcego. 

Agora que você já conhece mais sobre os animais vertebrados, que tal saber mais sobre os invertebrados? Aproveite e continue em nosso blog para conferir outros textos sobre biologia.

Como funciona o sistema circulatório humano?

Enzimas digestivas: o que são e para que servem?

Conheça o Coach COC e organize seus estudos!

O aplicativo Coach COC é o seu novo parceiro para os estudos! Ele vai te ajudar a organizar a sua rotina e planejar seu dia a dia. Acesse a página do app e baixe agora mesmo!