A troca de escolas é um momento recheado de novidades e desafios, mas se engana quem pensa que só as crianças sentem um friozinho na barriga. A mudança também pode afetar diretamente os pais, preocupados com a felicidade, o bem-estar e a qualidade do ensino que proporcionam aos seus filhos.

Quando a criança sai de sua zona de conforto, é necessário demonstrar cuidado e amparo, transformando a nova rotina em uma fonte de momentos agradáveis e emocionalmente positivos. Nessa etapa, a família deve ajudar a criança a lidar com medos e inseguranças, de maneira a assegurar uma adaptação prazerosa aos novos ambientes, horários, regras e colegas.

Aqui, organizamos algumas dicas para que você ajude o seu filho a se adaptar às novidades. Confira:

Dê a notícia com sinceridade

Mudanças costumam ser mais difíceis quando não entendemos os seus porquês. Por isso, é muito importante ser sincero com o seu filho e explicar os motivos que levaram à troca de colégios - as razões são muitas e podem variar desde alterações no orçamento familiar até a mudança para uma nova cidade.

É importante que a criança escute a notícia de você, de maneira clara e sincera. Conte sobre os seus planos com certa antecedência, evitando que ela seja pega de surpresa e tenha uma reação negativa. Este também pode ser um bom momento para abordar as mudanças positivas que uma nova escola pode trazer: novos amigos, ambientes e descobertas. Não se esqueça de adaptar o discurso de acordo com a idade da criança.

Espere o ano acabar

O ideal seria realizar a transferência do seu filho para uma nova escola no início do ano letivo, após as férias de verão. O recesso escolar mais extenso pode ser uma ótima oportunidade para que a criança se prepare para os novos desafios e se adapte à nova rotina. Além disso, é possível que o aluno já frequente as aulas desde o primeiro dia, acompanhando todo o desenvolvimento do programa pedagógico e acostumando-se aos materiais didáticos, regras e tarefas de casa. Caso não seja possível, tente iniciar a preparação da criança para a mudança o quanto antes.

Valorize os antigos amigos

Muitas vezes, ao receber a notícia sobre a troca de colégios, a criança pode sentir-se muito triste, pensando que irá perder os laços com os antigos amigos. Nessa situação, é papel dos pais ajudar a desconstruir essa ideia. Aproveite as férias e os fins de semana e chame os amiguinhos da antiga escola para brincar e passear junto com seu filho. Converse bastante com as crianças, demonstrando que esses momentos podem continuar acontecendo normalmente e que as amizades podem se manter firmes.

Deixei-o confortável

Independentemente da idade do seu filho, mudanças podem não ser um momento muito fácil. Por isso, é muito importante deixar a criança confortável com a mudança. É interessante aproveitar a oportunidade para questionar suas opiniões e permitir que participem do processo. Você pode deixar que seu filho escolha entre duas situações já previamente selecionadas por você, como estudar no período matutino ou vespertino, por exemplo. Com isso, ela sentirá autonomia e mais confiança.

Também é muito interessante levá-lo para conhecer a nova escola e, se possível, os novos professores. Ofereça apoio e escute as considerações do seu filho. Essa atitude pode deixá-lo mais seguro com a mudança, já que ele estará participando mais ativamente do processo.

Quebre o gelo

Em apoio ao incentivo familiar, a instituição de ensino também precisa se demonstrar preparada para acolher os novos alunos e integrá-los ao grupo. Normalmente, as escolas prepararam uma série de atividades, principalmente nos primeiros dias de aula, de maneira a estimular a interação entre todos os alunos da sala. O ideal é que a família mantenha uma boa relação com a coordenação, proporcionando uma rede de apoio à escola e mantendo-se informada sobre o desempenho escolar e também social do seu filho.

Ajude com a nova metodologia

A escolha de uma instituição de ensino para o seu filho deve ser guiada, principalmente, pelo estilo de aprendizado que mais combina com ele. Escolas diferentes podem significar diferentes ritmos, abordagens e atividades ao longo do ano letivo. É muito importante levar essas questões em consideração e, principalmente, estar presente ao longo do período de transição entre uma escola e outra. Auxiliar a criança com os deveres de casa ou mesmo organizar uma rotina de estudos pode ser uma boa ideia. Caso exista a necessidade, conversar com os professores e se informar sobre as didáticas utilizadas em sala também é muito interessante.

Converse bastante

Em meio às inseguranças e aos novos sentimentos, manter um diálogo aberto com o seu filho é sempre a melhor solução. Converse bastante, perguntando sobre seus medos e emoções diante do novo ambiente escolar. Pode ser significativo aproveitar o momento para explicar como essas sensações são extremamente normais diante de algo que não conhecemos - e que as crianças mais velhas e até mesmo os adultos costumam sentir esse tipo de frio na barriga.

Passem por isso juntos

Esteja disposto a vivenciar as novas sensações e os novos desafios ao lado do seu filho. Explique como mudanças acontecem e, às vezes, são necessárias. Seu filho deve sentir-se amparado e motivado a enfrentar essa nova etapa, tendo a certeza de que possui uma vasta rede de apoio em casa.

Pesquise bastante e demonstre confiança nas suas escolhas. Demonstre interesse pela nova rotina do pequeno e se envolva: pergunte como foi o novo dia na escola, quem são seus novos amigos ou quais as coisas novas que aprendeu. Mantenha o pequeno motivado e demonstre que essa fase de insegurança irá passar, e logo ele irá se sentir acolhido e cada vez mais feliz na nova instituição.

A mudança de escolas pode ser um período de muitas descobertas e desafios para toda a família. Por isso, é importante manter-se ao lado do seu filho, manifestando apoio e tirando todas as suas dúvidas sobre a nova rotina. Aqui, separamos mais alguns posts nos quais você pode encontrar mais informações interessantes sobre esse assunto:

Como ajudar os alunos tímidos a se saírem melhor na escola

Como escolher a escola do seu filho

Como estimular a inteligência emocional no seu filho

Conheça o Coach COC e organize seus estudos!

O aplicativo Coach COC é o seu novo parceiro para os estudos! Ele vai te ajudar a organizar a sua rotina e planejar seu dia a dia. Acesse a página do app e baixe agora mesmo!