Mais um ano letivo está para começar, e nesse momento os pais ficam se perguntando como seus filhos se sairão e como ajudá-los a manter um bom ritmo de estudos logo de início para que não se compliquem no decorrer dos bimestres.

Fato é que muita coisa pode ser feita ainda nas primeiras semanas para incentivá-los e motivá-los, e é sobre isso que falaremos a seguir. Então fique conosco e veja alguns cuidados que seu filho deve ter no início do ano letivo.

1 - Elabore um cronograma de estudos

Um dos principais passos para se ter uma organização plena assim que o ano letivo começa é organizar um cronograma de estudos baseado nos dias das aulas, no fluxo de conteúdo e nas lições de casa.

Pode ser que seu filho tenha dificuldades para elaborar esse calendário sozinho, então esteja disponível para ajudá-lo. Não deixe de reservar um tempo na agenda deles para as atividades extracurriculares e para o descanso, afinal, é preciso deixar bem claro quais são os momentos de produzir e se dedicar à escola e quando é possível relaxar.

2 - Incentive a realização das tarefas

Nada melhor para manter a organização do que fazer as tarefas de casa no dia em que elas são passadas pelos professores. Sendo assim, auxilie o seu filho a criar a rotina de realizá-las o quanto antes. Esse momento, inclusive, serve como estudo prático e deve estar destacado no cronograma de estudos diários dos jovens.

Uma maneira de incentivá-los a isso, é mostrando que caso a tarefa não seja feita no dia, durante os estudos dos próximos dias, ele deverá realizar também aquilo que ficou sem fazer e, com isso, o tempo de descanso e de lazer será menor, pois ele terá mais trabalho.

3 - Reserve um espaço para estudar

Não ter um local fixo ou adequado para estudar pode ser muito prejudicial para o seu filho, portanto, é fundamental que se estabeleça um ambiente arejado, bem iluminado e confortável para que ele possa praticar o que foi visto em aula.

Esse cuidado com o espaço físico é importante, pois o incômodo pode gerar grandes problemas para a criança ou o adolescente. Lugares desconfortáveis podem gerar dores musculares, além de colaborar com a desatenção no momento de estudar.

4 - Mantenha a organização

Além da organização dos horários e dos conteúdos estudados diariamente, é interessante que seu filho mantenha o ambiente como um todo organizado. Dessa forma, incentive-o a sempre guardar seus materiais após o uso e já deixar separado aquilo que deverá ser levado para a escola no dia seguinte.

Essa prática ajuda a diminuir o estresse causado pela bagunça e, eventualmente, pela perda de algum material. Sabendo onde estão as coisas, evita-se a perda de tempo procurando algo necessário naquele momento.

5 - Dialogue em caso de dificuldade

Durante todo o processo de aprendizado das crianças e adolescentes, é importante que pais e filhos tenham um canal de comunicação aberto para o acompanhamento dos progressos e dificuldades no dia a dia escolar.

Não deixe para descobrir que seu filho não está compreendendo todo o conteúdo passado em sala de aula em cima da hora. Sendo assim, mantenha conversas com ele e peça que ele seja honesto, para que, dessa forma, seja possível ajudá-lo.

A escola também deve cumprir seu papel de informar quando algo está fora do planejado, para que ela, somando esforços com os pais e o estudante, seja capaz de detectar o problema e de solucioná-lo.

6 - Cuidado com a rotina de lazer

Como falamos anteriormente, é importante que os jovens tenham um momento de descanso e de lazer, porém é preciso tomar cuidado com algumas coisas durante o período escolar. Uma delas é o horário em que eles dormem, pois isso pode afetar muito o desempenho em sala de aula.

Além disso, a atenção também deve ser redobrada em relação à alimentação deles, pois a falta de alguns tipos de nutrientes também pode levá-los a um esgotamento físico mais rápido, à perda de atenção e à falta de disposição para ir à escola e estudar.

Conclusão

O ano letivo é longo e cheio de desafios para os alunos, mas tudo pode ficar mais fácil caso haja organização, empenho e o acompanhamento dos pais desde o começo para evitar sustos e surpresas com o avanço dos conteúdos.

Você ajuda o seu filho de alguma outra maneira? Então escreva aqui nos comentários para que outros pais também possam conhecer as suas dicas para ajudar os jovens a passar pelo percurso escolar da melhor forma.

Aproveite e confira nossos outros conteúdos no blog do COC. Acesse!

Saiba como o COC auxilia o seu filho nas revisões pré-vestibulares

Como ajudar o seu filho a organizar os estudos durante o fim do ano?